Atendimentos de pessoas com sintomas gripais seguem em cerca de 80% na capital


UPA Marambaia // Foto: Reprodução site o Liberal


As síndromes gripais continuam a sobrecarregar hospitais públicos e privados da região metropolitana de Belém. Nos hospitais de Belém muita gente tossindo e reclamação de quem demora ser atendido. A Secretaria Municipal de Saúde (Sesma) informou, nesta quarta-feira (29), que os atendimentos de pessoas com sintomas gripais seguem em cerca de 80% a mais que o normal.


Crianças e idosos são mais prejudicados. A maior preocupação é com crianças e idosos que costumam ser os mais prejudicados. Por isso a dica é não aglomeração.


Neste ano, de acordo com a Sesma, foram aplicadas 478.476 doses de vacina contra a influenza na cidade, alcançando 99,1% da meta estadual e 92,8% da meta estabelecida pelo governo federal. De acordo com a secretaria, os casos de H3N2 podem se confundir com os de covid-19, que seguem estáveis na capital.


A prefeitura da Capital segue orientando a todos que os sintomas mais leves devem procurar as Unidades Básicas de Saúde (UBSs), de segunda à sexta-feira, das 8h às 17h (exceto feriados).


A Sesma informa que durante os feriados e fins de semana, além das cinco Unidades de Pronto-Atendimento (UPAs) de Belém, a população pode buscar atendimento em oito Unidades Básicas de Saúde (UBSs) que estão funcionando 24 horas e aptas para atender aos casos de síndrome gripal. Só devem procurar as UPAs os casos mais graves de gripe.


Veja onde receber atendimento em caso de síndrome gripal durante 24 horas, além das UPAs:


1 - Unidade Municipal de Saúde do Jurunas – Rua Fernando Ghilhon, S/N, entre Passagem Jacob e Trav. Monte Alegre;


2 - Unidade Municipal de Saúde do Bengui I - Rua Benfica, esquina com São Pedro, S/N;


3 - Unidade Municipal de Saúde do Tapanã – Rua São Clemente, S/N;


4 - Unidade Municipal de Saúde do Icoaraci – Rua Manoel Barata, Nº 840, entre Itaboraí e São Roque, próximo ao colégio Madre Celeste;


5 - Unidade Municipal de Saúde do Cotijuba – Rua Magalhães Barata, S/N, em frente a igreja São Francisco – Centro da Ilha;


6 - Unidade Municipal de Saúde do Outeiro - Rua Manoel Barata, S/N, ao lado da Agência Distrital de Outeiro, no começo da Escola Bosque – Bairro: São João do Outeiro;


7- Unidade Municipal de Saúde do Carananduba – Praça do Carananduba, S/N, em frente a praça do Carananduba, entre Av. Beira Mar e rua Santo Antônio – Caranamduba;


8 - Unidade Municipal de Saúde da Baia do Sol – Av. Beira Mar, S/N, próximo ao mercado da Baía do Sol – bairro Baía do Sol.

21 visualizações0 comentário

Posts Relacionados

Ver tudo