Depois de 12 anos sem limpeza a pedra do peixe na Doca do Ver-o-Peso recebe dragagem



Hoje, segunda-feira, 03, a Prefeitura de Belém iniciou a limpeza através de dragagem mecânica na Doca do Ver-o-Peso, espaço conhecido como pedra do peixe. Há 12 anos o serviço não era realizado no local, ocasionado um acúmulo enorme lixo que estão sendo integralmente retirados pela dragagem.


Os pontos turísticos de Belém durantes anos foram abandonados ou mal conservados. Mesmo o nosso famoso Ver-o-peso, ficou bastante tempo amargando uma reforma que nunca veio na gestão do ex-prefeito Zenaldo Coutinho.


O turismo local sempre foi negligenciado pelo poder público municipal que nunca teve uma visão moderna de valorização dos espaços públicos como potenciais espaços de dinamização da economia local.


Cotidianamente os turistas e frequentadores do comercio de Belém lidavam com a falta de limpeza, odores fétidos, violência urbana que impossibilitavam conhecer, visitar e saber avaliar a parte turística tão bonita da Baía de Guajará.



A atual administração da Prefeitura municipal está empenhada em recuperar a autoestima da cidade. Por meio da Secretaria Municipal de Saneamento (Sesan), a Prefeitura de Belém, já realizou a limpeza de todos os 65 canais de Belém, por meio da Ação de Limpeza Emergencial, como parte do plano imediato para os primeiros meses de governo. A ação ocorre em cooperação com o Governo do Estado. De acordo com dados técnicos da Sesan, Belém possui 15 bacias hidrográficas com 65 canais, que juntos têm 94 quilômetros de extensão.



O objetivo é restabelecer o sistema de escoamento das águas pluviais e minimizar o impacto dos alagamentos deste período chuvoso na cidade. A ação ocorre desde o dia 13 de janeiro. Cerca de dois mil homens fazem os serviços, que incluem também a manutenção de macro e micro drenagem, limpeza e desobstrução de bueiros e poços de visita, capinação, raspagem em vias e logradouros.

128 visualizações1 comentário