Fake News causa aglomeração em futura obra do novo Pronto Socorro



Uma fake news lançada gera uma fila quilométrica, aglomeração e muita confusão, nesta manhã (31).


Pessoas se deslocaram até o local onde será construído o novo Pronto do Socorro da capital paraense, na esperança de conseguir um emprego. A obra está orçada em R$ 145.996.619,11 e tem prazo de execução previsto para 20 meses.


As mensagens foram enviadas através de um aplicativo de mensagens e também em grupos de uma rede social.


Existe uma rede de fake News criada por parlamentares e apoiadores do ex-Prefeito Zenaldo Coutinho. O Vereador Mauro Freitas é um deles, também conhecido como “Rei das Fakes News”, tendo seu fiel escudeiro Fabrício Gama, que juntos com outros Bolsonaristas, Delegado Eguchi, financiam diversos grupos e sites, que espalham notícias falsas.


Esses mesmos parlamentares se utilizam do dinheiro público para criar correntes mentirosas, sem medir as consequências. Hoje no Brasil são mais de 14,805 milhões segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).










37 visualizações0 comentário