Funcionários da Azul são presos por tráfico de drogas


Galeria do Blog do Spotter, Plane Spotting

O comando especial do Batalhão de Operações Policiais (BOPE), com o apoio de cães farejadores da polícia, realizaram no último sábado, uma operação que culminou na prisão em flagrante de Diego Cordeiro de Lima, de 29 anos, e João Vitor de Freitas, 25 anos. Ambos são funcionários da empresa Azul linhas aéreas.


Os suspeitos eram acusados de montar um mega esquema de interceptação de drogas, culminando na apreensão de pouco mais de meia tonelada de drogas, no período de um mês. Eles chegavam a despachar inúmeras caixas, duas vezes por semana, sem fazer o devido processo de fiscalização.





Após o período de investigação, a polícia, descobriu que Diego, mesmo no seu dia de folga, foi até o Aeroporto Internacional de Campo Grande, no Mato Grosso do Sul para remeter o pacote com drogas.


Assim, os investigadores se dirigiram até a casa de Diego, que confessou ter conhecimento sobre os materiais ilícitos, mas que não era contrabando de drogas, e sim de materiais eletrônicos. Questionado pelos policiais, o mesmo confessou que tinha conhecimento sobre materiais ilícitos, mas que seriam contrabandos de eletrônicos e não drogas. O suspeito apontou a participação de João Vitor no esquema, que também foi preso.



Em nota divulgada à imprensa, A Azul linhas aéreas informa que os dois funcionários envolvidos na ocorrência no terminal de cargas do aeroporto de Campo Grande prestavam serviço a um representante da empresa de logística da Azul, a Azul Cargo Express. A Azul ressalta que está à disposição das autoridades para quaisquer esclarecimentos.

42 visualizações0 comentário