Inscrições para o Enem 2022 começam hoje (10)

Atualizado: 10 de mai.

Prazo encerra no dia 21 de maio

Candidatos poderão optar pelas versões impressa ou digital / Foto: Reprodução

As inscrições para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), edição 2022, começam nesta terça-feira (10) e podem ser realizadas até o dia 21 de maio. Quem não conseguiu a isenção da taxa de inscrição deverá efetuar o pagamento no valor de R$ 85. As provas serão realizadas nos dias 13 e 20 de novembro, nas versões digital e impressa.


Segundo o Governo Federal, o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), responsável pela aplicação do Enem, registrou quase 2 milhões de pedidos de isenção, cujo resultado pode ser conferido na Página do Participante.


Para os interessados que terão de pagar a taxa de inscrição para participar do exame, o Inep traz uma novidade: a possibilidade de efetuar o pagamento por meio de PIX e cartão de crédito. O método tradicional de pagamento por boleto bancário está mantido. O prazo é de 10 a 27 de maio.


As provas do Enem 2022 serão aplicadas nos dias 13 e 20 de novembro, com 180 questões objetivas de múltipla escolha, divididas em quatro provas com 45 questões cada.


No primeiro dia, os candidatos responderão questões de linguagens, códigos e redação: língua Portuguesa, literatura, língua estrangeira, artes, educação física e tecnologias da informação e comunicação; e de ciências humanas e suas tecnologias: história, geografia, filosofia e sociologia), com 5 horas e 30 minutos de duração.


No segundo dia, serão aplicadas as provas de ciências da natureza: química, física e biologia; e de matemática e suas tecnologias, com 5 horas de duração.


O Enem é, hoje, considero a principal porta de entrada para universidades públicas e privadas que utilizam a nota do exame como forma de ingresso. A nota do Enem também serve como critério de avaliação para o Programa Universidade Para Todos (Prouni) e para o Fundo de Financiamento ao Estudante do Ensino Superior (Fies).


Com informações da Agência Brasil

49 visualizações0 comentário