Oito anos de abandono: UPA de Icoaraci alagou com a chuva forte de ontem


Foto: Carlos Brito / TV Liberal

A chuva forte da última noite de segunda (12), fez com que a Unidade de Pronto Atendimento, que fica em Icoaraci, Distrito de Belém, fosse tomada pela água que caía do teto, e que acabou molhando a estrutura de gesso em vários pontos e causando diversos transtornos aos pacientes. O atendimento foi suspenso por três horas até que o local fosse totalmente limpo.


Segundos os funcionários, os alagamentos são constantes na UPA de Icoaraci, ocasionados pelo abandando da antiga gestão de Zenaldo Coutinho, que durante seu mandato não direcionou e nem cobrou verba do Governo federal para os reparos no prédio. Igual a de unidade de Icoaraci, tem muitas em Belém, são chamadas as “heranças malditas” do ex-Prefeito, que já tem um longo histórico de descaso com a saúde do povo de Belém. Na reforma do PSM de Guamá, ele já havia desperdiçado mais de R$ 2 milhões e não havia feito a obra, além de 5 unidades de saúde que ficaram inacabadas e custaram mais de R$ 20 milhões.


Vale ressaltar que a responsabilidade da UPA é dividida, mas a parcela maior é do Governo Federal que ficam com 50%. No entanto, o Governo Bolsonaro, não vem cumprindo seu papel e acaba transferindo só para as prefeituras a administração das UPAS.


Segundo a Secretaria Municipal de Saúde de Belém, neste mês de julho. foram entregues duas unidades de saúde, no Distrito de Mosqueiro, que estavam sob uma total situação de abandono. O evento contou com a presença do atual Prefeito de Belém, Edmilson Rodrigues. E ainda segundo a Sesma, estão sendo mapeadas as unidades que estão precisando de reformas ou estão inacabadas para que as obras possam ser concluídas.

22 visualizações0 comentário