top of page

Parceria: Mabe e Ape realizam atividades sobre arte e cultura promovendo acessibilidade


Foto: Reprodução site Agência Belém


O acesso da pessoa com deficiência às diversas formas de arte é fundamental para o desenvolvimento de suas potencialidades, por meio da criatividade, do raciocínio, da percepção e do domínio motor, como comprovado por inúmeros estudos e também pelos expressivos resultados alcançados por diferentes instituições que promovem educação artística no ensino especial, sobretudo a Rede Apae (Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais) Brasil, em seus 64 anos de existência.


Nesse sentido, o Museu de Arte de Belém (Mabe), está realizando diversas atividades para levar o conhecimento sobre arte e cultura para a população, e assim, promovendo acessibilidade. Pois, a arte entendida como linguagem expressiva, e espaço de criatividade, privilegia a produção individual e a forma como cada educando percebe e interpreta o mundo a sua volta.

A parceria do Mabe com a Apae, está promovendo a ação educativa para que os alunos pudessem apreciar e aprender com a exposição "O Verde de Belém no Acervo Mabe", que ocorre até o dia 30 de outubro no Solar da Beira.


O evento


Na visita, os alunos tem a oportunidade de observar as obras expostas e aprender sobre o contexto histórico e cultural de Belém nos séculos XIX e XX, principalmente no que diz respeito à arborização da cidade.


E ainda tem atividade artística em referência a exposição. No total, 22 alunos da Apae já puderam desfrutar de uma imersão cultural com vista privilegiada proporcionada pelas tradicionais janelas do Solar da Beira. E familiares dos alunos também participaram da programação e acompanharam as atividades de perto.

5 visualizações0 comentário
bottom of page