Participante do BBB 22 tem intimidade vazada na internet




A vida de artistas e mesmo aqueles anônimos com aparições publica viram alvos dos ataques da internet principalmente quando se trata das mulheres. A internet que apesar de ser uma arma onde mulheres do mundo todo consegue se expressar por seu grande potencial de alcance, ela também é usada de forma muito negativa em muitos momentos por pessoas com índole ruim, que tem um único objetivo, prejudicar o outro.


Na última segunda-feira 17 o reality show mais assistido no Brasil BBB Big Brother Brasil teve sua estreia da edição 22, e já no segundo dia de reality a vida de uma participante que faz parte do grupo dos pipocas, que se refere a pessoas anônimas até então, foi exposta de forma muito negativa.



Natalia de 22 anos designer de unha de BH Minas Gerais teve sua intimidade exposta nas redes sociais, um vídeo da jovem fazendo sexo oral foi compartilhado nas redes. O vídeo repercutiu na web e rapidamente a equipe da sister se pronunciou afirmando que todas as providencias estão sendo tomada.



Além da equipe de Natalia, a equipe de Jade Picon e Tiago Abravanel em nota no twitter repudiaram a má ação.


Atenção #TeamAbrava: Expor fotos e vídeos íntimos de uma pessoa é crime. Não compartilhe o vídeo da Natália ou de qualquer outra pessoa que tenha sua intimidade invadida sem autorização. Se passar por você, apenas denuncie a postagem." Twitter do ator .





A equipe da influencer Jade Picon escreveu: Repudiamos o acontecido com a participante Natália, ato desrespeitoso e que infelizmente se tornou recorrente, mas é crime! Não compartilhem conteúdos íntimos e pessoais, e denunciem caso vocês também sejam vítimas desse tipo de vazamento. Internet não é terra sem lei!".



Além da equipe dos participantes do programa, muitos artistas se mobilizaram para derrubar o vídeo, como Cleo Pires, Ludmila, equipe de Jade Picon, Tiago Abravanel e demais.


A vida de muitas mulheres se torna púbica, assim como a Sister Jade Picon que também já teve sua vida exposta nas reses e até seu número pessoal foi a público, assim como Natalia e Jade, muitas mulheres passam por exposições. A mulher infelizmente ainda é fruto de muita repressão e perseguição, fruto do patriarcado doentio que subjuga o homem superior e as mulheres inferiores ou apenas como meros objetos sexuais, desvalorizando totalmente a vida e a história da vítima.


Segundo universa Uol as mulheres sofrem diversas violências nos espaços de internet, as principais são assédios, agressões, e mesmo a intimidade vasada. O site olhar digital afirma que as mulheres são as maiores vítimas de exposição de imagens e vídeos não consentida e perseguição na internet.

53 visualizações0 comentário