Pelo segundo ano consecutivo em Belém, a pandemia ditou as regras do dia das mães



Pelo segundo ano consecutivo em Belém, a pandemia da COVID-19 ditou as regras das comemorações e, para muitas famílias, o distanciamento familiar foi uma prova de amor.


O Dia das Mães por conta da pandemia foi mais uma vez comemorado de uma maneira bem diferente neste segundo domingo de maio, sem as já tradicionais filas nas portas dos restaurantes. Em tempos de coronavírus e em que a recomendação é ficar em casa, para evitar aglomerações, muitos filhos se reinventaram para não deixar a data passar em branco.


Em contrapartida, os comerciantes de Belém com medo da queda nas vendas também buscaram outras formas diferentes de atrair o cliente, oferecendo de brindes a presentes personalizados. Tudo pra fidelizar os clientes e garantir que não houvesse um saldo demasiadamente negativo nas vendas na capital paraense.


A prefeitura de Belém instrui todos os estabelecimentos privados na cidade para que as recomendações de segurança sanitária e de distanciamento social fossem asseguradas.


A comemoração foi à distância e bem mais simples. Contudo com o mesmo afago que o tradicional feriado recomenda. A capital paraense corresponde a 60% do faturamento do Estado, com um total de 170 milhões de reais, de acordo com os números publicados pelo Sindlojas. A expectativa, mesmo em pandemia é faturar 280 milhões nas vendas nesse feriado de Dia das Mães. A data sempre foi uma promessa forte de movimentação do comércio de Belém. Estimou-se para o Dia das Mães deste ano um volume de vendas de R$ 12,2 bilhões em todo o país, de acordo com a Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC). Esses dados representam um aumento de 47% em relação ao resultado de 2020.


Além disso o comercio teve horário especial na capital paraense, as lojas localizadas nas vias com administração pública, funcionaram das 06h até às 23h. Mas o horário foi determinado por cada lojista. Os shoppings tiveram horários diferentes também, mas esse horário foi definido por cada shopping. O Pátio Belém por exemplo, lojas e praça de alimentação funcionaram de 5h às 23h; cinemas de acordo com a programação. Os supermercados funcionam normalmente de acordo com cada loja.


123 visualizações0 comentário