Policial da reserva é morto no bairro do Telégrafo e um dos suspeitos foi preso no Tapanã


Foto: Reprodução - Tv Liberal

Um policial militar da reserva foi morto a tiros na noite de ontem, 17, no bairro Telegrafo, em Belém. José Antônio Brito Souza, tinha 60 anos.


José Antônio fui surpreendido por quatro criminoso que chegaram em um carro branco, enquanto jogava dominó na casa de um amigo, onde segundo a polícia, também funcionava uma banca de jogo do bicho e um outro de cartas.


Ainda segundo informações preliminares, ao menos vinte disparos foram feitos na direção do idoso.


A suspeita de latrocínio foi descartada, uma vez que os criminosos não levaram nada da vítima. O caso será investigado pela Polícia Civil, através da Divisão de Homicídio de Agentes Públicos.


Prisão:

Ainda na noite de ontem, policiais da Rondas Ostensivas Táticas Metropolitanas (Rotam) conseguiram localizar um carro que teria sido utilizado pelos executores do policial da reserva.


O veículo estava no condomínio residencial Viver Primavera, no bairro do Tapanã e teria sido roubado de um taxista no último dia 31 de outubro. Um homem suspeito de ter envolvimento no crime foi preso e conduzido para uma delegacia.


O nome do suspeito ainda não foi divulgado.

220 visualizações0 comentário