Policial da Rotam suspeito de matar ex-jogador do Paysandu é preso


Foto: reprodução/redes sociais


O ex-jogador do Paysandu, Bruninho Metralha, de 23 anos, foi morto no dia 21 de outubro. De acordo com os seus familiares, ele foi assassinado a tiros dentro de sua residência, no bairro do Curió-Utinga, na Região Metropolitana de Belém.


A vítima foi atingida com três tiros, sendo um no braço e dois no peito. O jogador chegou a ser socorrido para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do bairro da Sacramenta, mas não resistiu.


Na manhã desta quinta-feira (25), o soldado da Polícia Militar, Denis da Silva Miranda, de 33 anos, se apresentou na Divisão de Homicídios da Polícia Civil. O militar é suspeito de matar o ex-jogador Bruninho.


Indícios apontam que o crime foi premeditado, já que Denis Miranda estava vigiando a residência de Bruninho. Outro indicio apontado é de um possível crime passional, uma vez que o militar não estava aceitando o fim do relacionamento com a sua ex-namorada que supostamente estava tendo um caso com o ex-jogador do clube bicolor.

2.098 visualizações0 comentário