Prefeitura de Belém cria primeira turma para indígenas da Etnia Warao




A prefeitura de Belém inaugurou a primeira turma escolar para crianças indigenas da etnia Warao, na Fundação Escola Bosque, na faixa etária de 7 a 10 anos. A aula inaugural foi realizada no projeto Horta do Conhecimento, na última quinta-feira,14, e o primeiro momento foi de observação, da interação das crianças com o meio ambiente, para que a escola possa captar a linguagem ideal para desenvolver a relação da educação ambiental com o processo alfabetizador, sempre com a perspectiva de fortalecer a identidade indígena.


As atividades de prática educativa e de inclusão social na Funbosque vão ocorrer todas as quartas e sextas-feiras no projeto Horta, que desenvolve práticas ambientais e o raciocínio lógico aliando os saberes científicos e populares. Nos demais dias da semana, os alunos indígenas têm atividades educativas na Escola Municipal Pedro Demo.


Os indígenas da etnia Warao, que migraram da Venezuela, enfrentam uma série de dificuldades cotidianamente em território brasileiro e a barreira da linguagem é uma delas, sendo que muitos se comunicam em espanhol. Na Funbosque eles vão ter esse suporte.

“ Contratamos professores que falam espanhol, para ajudá-los nesse momento com a escola”, informou a titular da Semec, Márcia Bittencourt.


fonte: Agência Belém


138 visualizações0 comentário