Programa Bora Belém já atendeu cerca de 2 mil famílias



Lançado em 08 de março, o Bora Belém já contemplou 1.812 famílias em três pagamentos já realizados. Nesta primeira etapa, o benefício vai atender 9 mil famílias em vulnerabilidade social, chefiadas por mulheres que não recebem benefícios do governo federal. O programa de renda cidadã garante um benefício de até R$ 450 às famílias em situação de pobreza e extrema pobreza.


O Bora Belém, cujo objetivo é combater a fome dos que mais precisam, situação agradava pela pandemia de covid-19 e pelo corte do Auxílio Emergencial de muitas famílias, promovido pelo governo Bolsonaro, tem a cooperação do Governo do Pará, cujos pagamentos, operados pelo Banco do Estado do Pará (Banpará), já chegam a meio milhão de reais.


Para identificar as famílias que têm direito ao benefício, a Fundação Papa João XXIII de Assistência Social (Funpapa) vem realizando visitas domiciliares. Após a visita, as famílias devem consultar o site do programa para verificar a aprovação, onde consta os critérios do programa de renda cidadã.

Foto: Reprodução


No total, o Bora Belém já disponibilizou aos beneficiários o valor total de R$ 518.700,00, sendo 50% de recursos estaduais e 50% municipais. O objetivo é repassar o total de 60 milhões de reais a 22 mil famílias já inscritas no Cadastro Único (CadÚnico), durante os quatro anos da atual gestão municipal, que não recebam nenhum tipo de auxílio estadual ou federal, a exemplo do programa Bolsa Família.

82 visualizações0 comentário