Suspeitos de matar policial no Pará morrem em confronto com a PM

Os dois reagiram ao cerco policial formado para prendê-los e foram baleados pela PM

Foto: Reprodução

Dois homens suspeitos de participar do assassinato do subtenente da PM João Francisco Gonçalves de Sales Santos foram mortos na manhã da última terça-feira (17), após um confronto com a Polícia Militar de Moju, no nordeste paraense.


De acordo com o comandante da 8ª Companhia Independente da Polícia Militar (8ªCIPM), major Lima, eles eram monitorados por tornozeleiras eletrônica, o que facilitou serem localizados de imediato.


Os dois reagiram ao cerco policial formado para prendê-los e foram baleados pela PM, não resistindo aos ferimentos, mesmo após terem sido socorridos.


No mesmo dia, o município recebeu mais efetivo policial e 11 viaturas do Grupamento Tático Operacional (GTO), do 31º e do 14º Batalhões da PM, além do helicóptero do Grupamento Aéreo de Segurança Pública (Graesp).

Foto: Reprodução

Os homens são suspeitos de terem assassinado o militar enquanto ele saía de moto da casa onde morava, em um condomínio no bairro centro da cidade, na última terça-feira (17).


A vítima foi homenageada na manhã da última quarta-feira (18), por amigos e agentes de segurança pública, que realizaram um cortejo levando o corpo do militar até um cemitério da cidade.

652 visualizações0 comentário