Vídeo: Loja expulsa cliente por estar com uniforme de outra empresa


Foto: Reprodução

Um vídeo que está circulando nas redes sociais mostra uma mulher na “Loja ‘Pula-Pula Show Festas”, no vídeo a moça relada que foi expulsa do interior do estabelecimento localizado na Avenida Augusto Montenegro, bairro Parque Verde, em Belém. Segundo ela, a expulsão ocorreu por estar vestida com o uniforme da loja ‘Stika e Puxa’, onde é funcionária.


Segundo o portal de notícias Ver-O-Fato, a moça precisou comprar o material para seu trabalho com confeitaria, então aproveitou novamente o horário de intervalo para ir até a outra loja, que fica bem próxima. “Quando eu cheguei na loja, eu dei boa tarde e tinha uma fila de funcionários, fora os caixas, mas ninguém me respondeu”, disse ela.


Ordens de saída


A cliente diz que já estava escolhendo os produtos que ia comprar até que, de repente, foi interceptada por um funcionário do local. Ele teria dito que tinha ordens para pedir que ela se retirasse do ambiente. Questionado sobre o porquê da expulsão, segundo ela, respondeu que por conta de espionagem. “Eu estou aqui como qualquer cliente, eu estava consumindo como qualquer cliente”, argumentou.


Diante do cenário constrangedor, inclusive na frente de outros clientes, ela pegou o celular e anunciou que ia gravar através de vídeo o caso, momento em que os funcionários se afastaram. Foi nesse momento que ela registrou as imagens, que posteriormente postou nas suas redes sociais para denunciar a expulsão.


A cliente argumenta que se a justificativa for uma possível concorrência entre as empresas, não faz sentido, pois dentro do segmento de festas os estabelecimentos estariam em nichos diferentes. “Na Stika e Puxa a gente trabalha com balões e copos personalizados e lá o nicho deles é MDF, confeitaria, então não tem porque ser concorrência”, diz.


Como a cliente ainda precisava dos produtos do estabelecimento, de onde foi expulsa, para realizar seu trabalho, posteriormente retornou ao local, mas agora sem uniforme. “Eles me trataram bem, me deram boa tarde, passaram minha compra, então realmente foi porque eu estava uniformizada com o uniforme da minha empresa, eles me expulsaram do lugar porque eu estava com o uniforme de uma outra empresa”, falou a moça.







Com Informações de Ver-O-Fato


99 visualizações0 comentário